namoro na adolescência

Friday, November 17, 2006

NAMORO NA
ADOLESCÊNCIA!!!

O fato, bastante freqüente, de que a amizade íntima entre dois jovens de sexo diferente rapidamente desemboque no namoro não representa um problema sério em certos casos, mas noutros sim. Não é preocupante (ao menos em princípio) que a partir de certa idade e de certo nível de maturidade pessoal a amizade se converta inesperadamente em namoro. Mas há um problema importante, pelo contrário, quando não se dão essas duas condições, idade e maturidade: neste caso, estamos diante de um namoro prematuro.
O namoro perde todo o seu sentido quando se transforma num grosseiro ensaio da vida conjugal. Deve-se esclarecer aos jovens que "o namoro é um período em que se promete tudo, mas não se dá tudo. É um período em que a promessa de amor amadurece gradativamente. Se alguém dá tudo ou toma tudo num contexto que não é definitivo, busca algo que supera a condição presente, que é a de os namorados se conhecerem e saberem respeitar-se mutuamente. E sofrerá, mais cedo ou mais tarde, as conseqüências de ter lesado o amor"
educacao.aaldeia.net/

Primeira Entrevistada fala:
- Sou chamada de “nenny”, e tenho 14 anos, estou na oitava série, entrei no fim de junho num colégio, e o pior que ñ conhecia ninguém daí fui amiga de um carinha muito legal, fikei c/ um amigo dele também meu colega o “lála” fikei um tempão com ele mas o meu “amiguinho”, resolveu fazer fofoca do “lála’’ para mim, tentou de todos os jeitos nos separar e acabou conseguindo, depois de alguns dias pediu para mim ficar com ele mas para mim ele era apenas um amigão ,e ele não era tão bonito assim quanto o “lála”! Eu disse que não, ele não aceitou minha resposta! Desde então nossa amizade não existe mais!!!

Segunda Entrevistada fala:

- Sou chamada de “pati” minha história não é tão legal assim mas vou falar o que aconteceu:
- Me apaixonei por dois carinhas um é quase da minha idade o outro tem uma certa diferença ,de tipo uns 09 anos mas ele gosta de mim, todas as vezes que o encontrava ficava c/ ele, nós nos encontrávamos todas as quintas e, já o outro fikei 1 só vez, mas nos encontramos todos os dias no colégio, e ele nem demonstra nada por mim. O mais velho eu o chamo de “dudu” e o outro de “gui” ,o “dudu” saiu do seu trabalho, está trabalhando na Randon e não pode vir mais me ver, mas tenho certeza que gosta muito de mim! O “gui” continua não demonstrando nada mas não sei com quem quero fikar de verdade! Essa é minha história!